Entrevista Dustin Browder – Heart of the Swarm – Campanha

Starcraft 2 Brasil cabeçalho-dicas-HOTS

 

 

 

Em entrevista exclusiva por telefone, o StarCraft 2 Brasil falou com ninguém menos que Dustin Browder, o Diretor do StarCraft 2. Nós o entrevistamos em Xangai, China, sobre o aspecto multi jogador do Heart of the Swarm. Desta vez, falamos com ele sobre a campanha, melhorias no Battle.net, etc. Confiram:

 

SC2Brasil: O que é StarCraft® II: Heart of the Swarm™? 

DB: Heart of the Swarm™ é a primeira expansão de StarCraft® II: Wings of Liberty™, o jogo de ficção científica com estratégia em tempo real da Blizzard Entertainment. Heart of the Swarm dá continuidade à épica história de Wings of Liberty com uma nova campanha focada em Sarah Kerrigan, a antiga Rainha das Lâminas. Novas unidades e mapas para jogos multijogador também serão incluídos na expansão, bem como novos recursos e aprimoramentos para a plataforma on-line Battle.net®.

 

[nggallery id=7]

 

SC2Brasil: O que podemos esperar da campanha individual de Heart of the Swarm?

DB: A campanha de Heart of the Swarm inclui 20 novas missões. Os jogadores podem evoluir seus enxames para unidades e habilidades únicas, exclusivas da campanha, e essa evolução acontece de maneira orgânica e atrelada à temática zerg da expansão. Por exemplo, zergnídeos podem evoluir em subespécies especializadas como os enxamídeos, uma variante que gera três enxamídeos por larva quase instantaneamente, em vez dos dois zergnídeos padrão. O temível raptor é outra possibilidade evolucionária do zergnídeo que possui mais vida e a habilidade de saltar curtas distâncias para se aproximar rapidamente de um inimigo.

Outra diferença de Heart of the Swarm em relação a Wings of Liberty é que Kerrigan desempenha um papel fundamental em cada batalha, como uma poderosa heroína. Ao longo da campanha ela ganha força e novas habilidades, e os jogadores escolhem que habilidades aprimorar e que poderes usar em cada missão.  

Heart of the Swarm também inclui uma ampla variedade de locações para os jogadores explorarem entre as missões. As locações mudam dinamicamente de acordo com o progresso do jogador, dando a sensação de um mundo que evolui conforme Kerrigan se faz presente por toda a galáxia. Sequências de animação totalmente dubladas completam a experiência cinematográfica da campanha Heart of the Swarm, enquanto um novo sistema de experiência online desbloqueia recompensas no jogo, como novos retratos e insígnias.

 

[nggallery id=10] 

 

SC2Brasil: Haverá algum aprimoramento técnico no motor gráfico?

DB: Algumas melhorias foram feitas nos gráficos, incluindo aprimoramento no visual e na maneira como a gosma dos zergs se comporta, além de mudanças para permitir que nossos artistas pudessem construir melhor os novos tipos de planetas que Kerrigan irá explorar. Foi também adicionado um novo motor de física que dará um visual mais espetacular às batalhas. Ainda planejamos manter requisitos mínimos de hardware da expansão semelhantes aos de Wings of Liberty.

 

SC2Brasil: Qual é a abordagem da equipe de desenvolvimento em relação ao modo multijogador em Heart of the Swarm?

DB: Estamos muito satisfeitos com a situação do modo multijogador em Wings of Liberty. Ao longo do ano passado, o metajogo evoluiu muito com as novas estratégias e contra-ataques desenvolvidos continuamente pelos jogadores, e nós tentamos fazer modificações para manter o equilíbrio de jogo por meio de patches. Contudo, reconhecemos que ainda há espaço para aperfeiçoamentos. Heart of the Swarm nos dá a oportunidade de lidar com algumas dessas necessidades por meio de novas unidades e habilidades, algo que achamos melhor não fazer fora de expansões pois poderia gerar sérias consequências em torneios em andamento.

Em Heart of the Swarm, tentamos identificar as necessidades de cada raça e abordá-las com novas unidades e habilidades. Também estamos tentando manter – e, se possível, ampliar – as características individuais de cada uma das raças. O objetivo de tudo que criamos para multijogador em Heart of the Swarm é adicionar novas dimensões de estratégia e mecânica de jogo a StarCraft, mantendo o equilíbrio e evitando redundâncias com unidades já existentes. 

 

SC2Brasil: Quais são as novas unidades, habilidades e mecânicas para multijogador em Heart of the Swarm?

DB: Com Heart of the Swarm ainda em fase beta a seguinte resposta representa apenas um retrato de como está o modo multijogador atual. Estes são alguns exemplos das novas unidades e habilidades desta expansão.

Para os zergs, o novo Hospedeiro do Enxame serve como uma unidade terrestre de cerco. Ao se entocar, o Hospedeiro do Enxame gera unidades que se movem lentamente na direção de unidades ou estruturas inimigas. Isso permite que os zergs pressionem inimigos entrincheirados. A Víbora é uma unidade aérea de suporte que controla o campo de batalha. Por exemplo, Abduzir permite que a Víbora puxe uma unidade em direção a ela, deixando uma unidade inimiga mais vulnerável ou resgatando uma unidade aliada.

Os protoss ganharam uma interessante e nova unidade chamada Oráculo. Construída a partir de um Portal Intergaláctico, essa unidade é uma nave de guerra psiônica que usa suas habilidades exclusivas para atacar e perturbar o inimigo. A primeira habilidade é Raio de Pulsar, um feixe energético que causa danos devastadores a unidades terrestres leves. Outra habilidade, Pressentir, concede detecção temporária de unidades camufladas, entocadas e alucinações ao Oráculo. O Tempesto é uma nova nau capitânia que ataca alvos aéreos e terrestres a longas distâncias, causando dano adicional a unidades massivas aéreas.

Os terranos também ganharam novos truques. O Endiabrado pode adquirir uma nova habilidade e se transformar num robô de batalha: o Morcego Infernal. Na nova forma, se movem mais lentamente, mas ganham mais vida e causam mais dano disparando um arco de chamas. A Mina Viúva é uma unidade construída a partir da fábrica que pode se entocar e disparar mísseis que causam dano em área. As Ambunaves ganharão um aumento de velocidade recarregável como habilidade ativada.

Também estamos testando uma nova mecânica para os mapas: pilares rochosos que podem ser destruídos e usados na criação de bloqueios. Essa mecânica permitirá que os jogadores impeçam a passagem de inimigos, fechem-se em bases de expansão, ou protejam batedores que estejam guardando posições numa elevada torre de observação Xel’Naga.

 

[nggallery id=8]

 

[spoiler intro=”Novas unidades” title=”Resumos das novas unidades e habilidades”]

Todas as unidades e habilidades descritas a seguir ainda estão sujeitas a mudanças. O que listamos a seguir é apenas uma amostra do que realmente almejamos com o modo multijogador de Heart of the Swarm.

Protoss

Ao analisar dados de batalhas recentes, os protoss identificaram algumas áreas que poderiam ser melhoradas para ajudá-los a maximizar sua eficiência contra os inimigos. Com base nessas descobertas, eles aumentaram seu arsenal com um atacante de alcance extremamente longo, unidades psiônicas adicionais e uma nova forma de perturbar o inimigo.

Tempesto

Descrição: O Tempesto é uma nova nau capitânia que ataca alvos aéreos e terrestres a longas distâncias, causando dano adicional a grandes unidades aéreas. Com o apoio de outras unidades o longo alcance do Tempesto permite ao Protoss cutucar as unidades adversárias, forçando o inimigo a partir para o ataque.

Oráculo

Descrição: A Oráculo é uma nave de guerra psiônica, construída a partir de um Portal Intergaláctico, que usa suas habilidades únicas para atacar e perturbar o inimigo. A primeira é Raio de Pulsar, um feixe energético que causa dano devastador a unidades terrestres leves. Outra habilidade, Pressentir, permite que o Oráculo detecte temporariamente unidades camufladas, entocadas e alucinações. 

Núcleo de Naves-mãe

Descrição: O Núcleo de Naves-mãe é único em vários sentidos. Só pode haver um Núcleo de Naves-mãe no seu exército. Esta unidade aérea está equipada com um canhão ar-superfície com alta cadência de tiro. Há várias outras habilidades disponíveis para o Núcleo de Naves-mãe. Transdobra temporal cria um campo que retarda o movimento de unidades terrestres inimigas. Sobrecarga de Fótons é uma habilidade defensiva que concede um ataque de longa distância poderoso a um Nexus; e, por fim, Convocação em Massa, que permite que os jogadores transportem o Núcleo e unidades em volta a um Nexus.

Nave-mãe 

Descrição: Apesar de não ser exatamente uma unidade nova em Heart of the Swarm, as habilidades da Nave-mãe são um pouco diferentes de Wings of Liberty. A Nave-mãe mantem suas habilidades Convocação em Massa e Transdobra Temporal do Núcleo de Naves-mãe. Ela também mantem o campo de camuflagem passivo presente em Wings of Liberty. A Nave-mãe agora é criada com um aprimoramento do Núcleo de Naves-mãe, depois que um Laboratório Avançado é construído. 

Terranos

Os engenhosos terranos também desenvolveram ainda mais sua tecnologia para sobreviver melhor às batalhas no setor Koprulu.

Mina Viúva

Descrição: A Mina Viúva é uma nova unidade construída na Fábrica e que permite que o jogador terrano controle áreas do campo de batalha. A Mina Viúva se posiciona e entra em modo estacionário, se entocando e ativando. Quando uma unidade inimiga aérea ou terrestre entra em seu campo de ação, a Mina Viúva lança um míssil que causa dano alto à unidade alvejada e também resulta em dano em unidades próximas.

Morcego Infernal

Descrição: O Endiabrado foi aprimorado e se tornou uma unidade capaz de se transformar de maneira similar ao Viking. O seu novo modo de batalha concede vida adicional e um ataque flamejante mais forte, cobrindo um curto arco à frente da unidade. Isso o torna mais útil contra grupos de unidades leves, como os Fanáticus e Zergnídeos. O jogador também pode decidir transformar o Morcego Infernal de volta para sua forma original, mais ágil.

Novas habilidades

Em Heart of the Swarm, as Ambunaves ganham uma nova habilidade de aumento de velocidade recarregável chamada Ignição pós-combustão e o aprimoramento Reator Caduceu aumenta a eficiência do feixe de cura. Já o Exterminador não possui mais uma habilidade especial para atacar estruturas. Em vez disso, ele recebe regeneração de vida aprimorada, o que permite que se recupere dos danos recebidos rapidamente quando fora de combate.

 

Zergs

Os zergs continuam a evoluir e se adaptar a ambientes em constante mudança, particularmente os perigos do campo de batalha. Novas criaturas ajudarão os zergs a promover cercos mais eficientes, e adicionarão habilidades únicas de manipulação dos inimigos ao seu arsenal.

Víbora

Descrição: A Víbora é uma nova unidade voadora que possui três habilidades exclusivas. Nuvem Cegante reduz temporariamente o alcance de ataque das unidades dentro da nuvem para corpo a corpo; Abduzir permite que a Víbora puxe uma unidade para perto de si; e, por fim, a Víbora pode usar Consumir, uma habilidade canalizada que recupera energia às custas de dano às suas próprias estruturas zerg.

Hospedeiro do Enxame

Descrição: O Hospedeiro do Enxame é uma unidade terrestre de movimentação lenta que não possui ataque padrão. Quando entocado, o Hospedeiro gera uma torrente contínua de unidades de combate corpo a corpo chamadas Gafanhotos que se movem lentamente e podem ser usadas para formar cercos e pressionar inimigos entrincheirados.

Novas habilidades

A Mutalisca tem uma nova habilidade passiva que a permite regenerar vida mais rapidamente e a Hidralisca agora possui um aprimoramento que permite que ela se mova mais rápido quando não está sobre gosma.

 

 [/spoiler]

 

SC2Brasil: Que mudanças o Battle.net sofrerá com Heart of the Swarm?

DB: Já lançamos o Arcade, que aprimora a funcionalidade de mapas personalizados do Battle.net. A comunidade que cria mapas e mods para StarCraft II publicou dezenas de milhares de mapas personalizados usando o editor do jogo. O Arcade permite uma maior visibilidade desta grande variedade de excelentes novos mapas e mods, para melhor atender aos jogadores em busca de experiências inovadoras e divertidas. Queremos que todos os excelentes mapas que foram criados sejam fáceis de encontrar, avaliar e ordenar.

Temos uma imensa lista de recursos que chegarão com o lançamento, entre eles: um sistema de grupos e clãs que inclui canais privados de bate-papo e notícias; suporte a diversos idiomas; Jogos Globais, para permitir que os jogadores usem diferentes servidores regionais; partidas não ranqueadas, para que os jogadores possam experimentar diferentes raças ou testar novas estratégias sem comprometer sua posição no ranking. A disponibilização de replay a vários jogadores e a possibilidade de retomar um jogo a partir do replay também serão incluídas.

A Interface de Usuário também foi aprimorada, oferecendo a jogadores acesso mais rápido e conveniente aos aspectos da experiência online que mais usam. Coleção de estatísticas avançadas e um placar aprimorado oferecerão mais informação e opções de análise ao jogador que quiser analisar sua performance online. Outra opção disponível será “Jogadores Perto de Mim” e permitirá que jogadores encontrem e se conectem com outros fãs de SC2 na mesma rede. Esta opção será de benefício principalmente para aqueles que querem jogar com amigos no mesmo dormitório ou na mesma lanhouse por exemplo. 

Heart of the Swarm também contará com vários recursos que ajudarão o jogador a treinar e se preparar para jogos competitivos. O modo Treinamento apresenta uma séria de cenários que ensinam o básico do jogo online através de objetivos direcionados. A opção Contra I.A. também foi redesenhada, permitindo que jogadores combatam adversários adaptados a seu nível. Será possível inclusive enviar comandos simples a aliados controlados pelo computador nestes jogos.

Finalmente, um novo sistema de níveis será adicionado que oferece recompensas a jogadores por jogar online sejam vitoriosos ou derrotados. Ao alcançarem níveis mais altos neste sistema, destravarão recompensas cosméticas como decalques ou skins novas. 

 

[nggallery id=9]

 

SC2Brasil: Heart of the Swarm exigirá que o jogador também possua Wings of Liberty?

DB: Nas regiões onde vigora o modelo de negócios padrão, como América do Norte e Europa, sim, StarCraft II: Wings of Liberty será um pré-requisito para jogar a expansão Heart of the Swarm. Quanto às regiões que possuem modelos de acesso alternativos, daremos mais detalhes em breve.

 

SC2Brasil: Quanto vai custar Heart of the Swarm?

DB: StarCraft II: Heart of the Swarm estará disponível em DVD-ROM para Windows® XP/Windows Vista®/Windows® 7/Windows® 8 e Macintosh® a um preço sugerido de R$ 99,90. A expansão também estará disponível por download diretamente do site de StarCraft II da Blizzard (http://www.StarCraft2.com) a um preço estimado de R$ 79,90.

A Blizzard oferece ainda uma Edição de Colecionador de Heart of the Swarm, recheada de extras e conteúdos digitais, disponível exclusivamente em lojas selecionadas por um preço sugerido de R$ 349,90. Jogadores também terão a opção de comprar a versão Digital Deluxe da expansão, que trará todos os itens digitais da Edição de Colecionador. A Digital Deluxe será vendida diretamente pela Blizzard via www.StarCraft2.com ao preço estimado de R$ 119,90. Jogadores que comprarem a versão padrão (tanto física quanto digital) poderão realizar o upgrade para a Digital Deluxe a qualquer momento (enquanto a Digital Deluxe for vendida) por R$ 40 adicionais.

 

SC2Brasil: Haverá uma versão para consoles de Heart of the Swarm?

DB: StarCraft II: Heart of the Swarm está em desenvolvimento para Windows e Mac. Atualmente não temos planos de levar StarCraft II para qualquer outra plataforma.

 

SC2Brasil: Quando a expansão Heart of the Swarm será lançada?

DB: Heart of the Swarm sera lançado mundialmente dia 12 de março de 2013.

 

SC2Brasil: Na campanha, a Kerrigan é meia imortal, certo? Se ela morrer, você pode ressuscitar ela em uma Incubadora. Como isso funciona? Tem algum cooldown pra ressuscitar entre as mortes, ou algum custo de minerais e gás? E como isso é explicado, cientificamente falando?

DB: Exato, ela é imortal, de certa forma. Existe um cooldown, não lembro exatamente o tempo entre as ressurreições. Quanto a explicação sobre isso, ela basicamente transfere sua essência para a Incubadora, e o corpo é somente massa, que pode ser refeita. Não bolamos uma grande explicação, criamos isso mais como uma boa mecânica de jogo, não como um tratado científico!

 

SC2Brasil: Na última BlizzCon, pudemos experimentar algumas missões da Campanha, em que você tinha como objetivo assimilar novas espécies para aprimorar o DNA do Enxame. Essas missões são todas do tipo “mate os bichos do gelo para tornar o Enxame imune ao frio” ou há missões diferentes com outros objetivos nas quais você pode sem querer encontrar outras criaturas e assimila-las?

DB: Elas são chamadas Missões Evolutivas, e são umas 7 ou 8 deste tipo. A idéia é, nessas missões específicas, mostrar como o Enxame aprimora seu DNA, assimilando de outras criaturas, atirando o Enxame em situações e ambientes perigosos, mostrar ao jogador como funciona todo esse processo.

 

SC2Brasil: Agora o jogador ganha XP, e é assim que você libera retratos, logotipos, etc. no modo multi jogador. A Campanha também da XP? Ou vão haver Conquistas como no Wings of Liberty para premiar esses retratos? Falando nisso, quantos níveis de dificuldade teremos?

DB: Nós pensamos em dar XP pela Campanha, mas daí lembramos que a Kerrigan ganha XP e evolui também, e achamos que isso poderia gerar confusão. Então a Campanha terá Conquistas, como no WoL, para premiar o jogador com retratos, logotipos, etc. Em todo o resto do jogo você ganha XP (Partidas Rápidas, Jogos Personalizados contra amigos, Jogos Personalizados contra I.A, jogos do Arcade, etc). Teremos novamente 4 níveis de dificuldade, Casual, Normal, Difícil e Brutal.

 

SC2Brasil: Sobre as escolhas que fizemos no WoL, como se juntar ao Tosh ou a Nova por exemplo, elas terão alguma repercussão no HotS? Podemos esperar mais escolhas deste tipo no HotS?

DB: A Kerrigan não liga para o que o Raynor fez, então teremos algumas referências a essas escolhas sim, mas somente em algumas conversações. As escolhas da Kerrigan são diferentes, bem maiores (quem vou matar agora?). No WoL, você podia escolher algumas missões e simplesmente pular outras e mesmo assim terminar o jogo. Em HotS, você precisa completar todas as 20 missões para chegar ao final do jogo.

 

SC2Brasil: Sobre os novos Vermes Nydus que temos no Editor, eles não vingaram para o multi jogador, certo? Nós os veremos pelo menos na Campanha? E no Legacy of the Void, quem sabe no multi jogador?

DB: Não, não, na campanha veremos somente o Verme Nydus padrão, que vocês já conhecem. Ainda os estamos estudando, e quem sabe os veremos de volta no LotV!

 

SC2Brasil: Vocês conseguiram introduzir algo como o Fliperama e a vitrola automática que tínhamos na Hypérion para o Enxame? Como podemos matar tempo e ouvir música dentro do Leviatã?

DB: A Kerrigan não quer uma vitrola, ela é séria, ela tem muita raiva, e muito a destruir, para perder tempo com isso! Quanto ao Fliperama, algo mais ou menos como isso, algum mini game, são as Missões Evolutivas, quem tem uma jogabilidade bem diferente das missões mais militares.

 

SC2Brasil: Nós vamos poder jogar também como Terranos e Protoss, ou somente vamos poder controlar Kerrigan e o Enxame?

DB: Há uma ou outra missão onde você tem contato maior com as outras raças, mas nada como no WoL, onde vocês tiveram uma mini campanha inteira dos Protoss.

 

Gostaram? Agora deixamos com vocês um presente. Nada mais e nada menos do que a abertura cinemática do Heart of the Swarm, que conseguiu ficar ainda melhor do que a do Wings of Liberty. Behold!

 

 

[spoiler intro=”English Cinematic” title=”Vídeo em Inglês”] [/spoiler]